2007/04/15

Interoperabilidade conta: Mojiti e Sribd

Videos online e Documentos. Não, não é mais do mesmo!

Mojiti, é diferente do YouTube e de outros pois permite a manipulação dos objectos através de um interface simples em linha, para além de permitir a sua disponibilização e integração em blogs, por exemplo (o que outros faziam). Possibilita também importar directamente videos disponíveis noutras plataformas (vejam a extensa lista). São características que mostram a tendência crescente de preocupação com questões de interoperabilidade centradas nos indivíduos:
"(...) personalize any video. Use Mojiti Spots to narrate your personal videos, add captions or subtitles in any language, or just comment on any scene to share your thoughts and opinions."
O Scribd, aparentemente mais um serviço que possibilita carregar ficheiros num servidor, aceita não só diversos formatos de carregamento (doc, ppt, xls, txt, pdf, ps e lit) como também oferece a possibilidade de escolher o formato pretendido, a quem quer fazer o download do ficheiro (pdf, doc, txt e mp3, sim mp3, embora só funcione para documentos em inglês) bem como embeber esses documentos, por exemplo em blogs, em Flashpaper (o que não trás novidade). Preocupa-me no entanto o facto de poderem ser carregados documentos sem a necessidade de um indivíduo se identificar (temo sempre pelos maus usos do anonimato e da preversidade com que, sob a capa da desresponsabilização, são utilizados).

Entre as diversas aplicações para o Scribd, lembrei-me de que poderá ser um útil contributo para a disponibilização de formulários, programas de eventos, informações sobre programas, etc., de uma forma simples e sem custos associados (e sem encher as caixas de correio com attachments ;-)

[Alterei exemplo a 16/Abril/2007] Exemplo: Slides de apoio de um workshop, realizado o ano passado, cujo objectivo foi a utilização dos blogs para ajudar a integração e gestão de informação no contexto de equipas de projecto:


2 comments:

  1. Gostei de voltar a ver a apresentação da formação que nos deste, aqui no INETI, e continuo a achar que a formação foi das melhores por que já passei! Aprender com uma old-timer é um privilégio único! Era fixe se pudesses dar acesso ao que disseste, assim como deste aos slides!

    Margarida

    ReplyDelete
  2. Deixas-me embasbacada (nem sei se tal palavra existe). Calculo que seja uma forma lisonjeira de me chamares velha ;-)

    Ver se arranjo tempo para levar para a frente o artigo. A alternativa era um podcast, só que não sei o que gosto menos em mim: se a escrita ou a voz :-D

    ReplyDelete