2007/04/24

Integrating the flow

Para a implementação de tecnologias dentro das organizações, e não apenas de blogs, registava em Maio de 2004, depois da leitura de um artigo de Malhotra (2004), que:
"Para pensar «o espaço» dos Blogs a nível organizacional, convém contextualizá-los num «chapéu maior», mais abrangente: a (já velha) discussão Gestão da Informação / Gestão do conhecimento e as implicações para a integração de tecnologias nas organizações"
Em Setembro de 2005, a minha visão sobre a integração de weblogs no contexto organizacional, pareceu-me ter forma:
"E se em vez de centrar a nossa atenção na implementação de weblogs dentro da organização, a nossa atenção fosse centrada em trazer pedaços dos weblogs para dentro da organização?"
Numa imagem concretizava as vantagens de trazer para dentro das fronteiras organizacionais, os pedaços das «conversas» que se estabeleciam fora do contexto organizacional, de acordo com as necessidades de informação organizacionais detectadas, permitindo uma maior dinâmica entre o ambiente informacional externo e interno das organizações, não impondo novos espaços de informação (ex: plataformas de blogs organizacionais), mas tirando partido e detectando os fluxos que já existiam, e assim os trazer para o contexto de cada organização:

[imagem original disponível no flikr, juntamente com os links dos textos que estiveram na sua origem]

Hoje, enquanto lia Confessions of an Aca/Fan: The Official Weblog of Henry Jenkins: From YouTube to YouNiversity, relembrei o que me motivou a criar este blog: a possibilidade de um dia poder também eu dizer o mesmo que Henry Jenkins:
"Now all of our research teams are blogging not only about their own work but also about key developments in their fields. We have redesigned the program's home page, allowing feeds from these blogs to regularly update our content and capture more of the continuing conversations in and around our program. We have also started offering regular podcasts of our departmental colloquia and are experimenting with various forms of remote access to our conferences and other events."
Às vezes penso que este blog já não faz sentido e que apenas serve para me relembrar que tenho andado a falar para mim própria, durante todos estes anos. Há dias assim...

2 comments:

  1. Então Mónica, estás-te a esquecer de todos os leitores do B2OB, que já não passam sem os teus posts?

    ReplyDelete
  2. B2OB faz todo o sentido!
    Para mim foi um blog fundamental no processo de compreensão da importância dos blogs como ferramenta de desenvolvimento profissional.

    ReplyDelete