2005/11/02

Colaboração no meio virtual e confiança

A Bev levanta uma questão muito pertinente, sobre a qual ainda não tinha reflectido:

"There's also an interesting issue about language especially if you are writing in a second language. Do you, or should you, correct or reformulate someone's language on a wiki? And should you correct it or expect it to be corrected in the planning of an event?"

No meu entusiasmo, e partindo do princípio que estou a colaborar com alguém, parti do pressuposto que era esperado que se visse algo que pudesse ser melhorado na minha língua nativa, e à semelhança do que esperaria que fizessem com a minha escrita em inglês, deveria intervir.

Agora que reflicto no que fiz (alterei o que alguém escreveu no espaço de preparação para o evento BlogHer em Portugal), já não estou tão certa de ter agido correctamente. Será que pode ser considerado arrogância? Será que a preparação colectiva de um evento por pessoas, que de facto não se conhecem para além da net, pressupõe a confiança necessária para que algo como o que fiz, seja aceitável?...

E o que me fez tratar a Bev como se de facto já a conhecesse? Terá sido porque me foi apresentada por alguém com quem já mantenho uma relação de confiança (friend of a friend, FOAF)?

2 comments:

  1. Penso que quem colabora num wiki já está à espera de ser corrigido, seja no conteúdo seja na forma. É um dado adquirido e é, na verdade, o que torna esta ferramenta tão poderosa -- cada correcção aproxima o trabalho da perfeição.

    Quanto à confiança que existe entre estranhos na Internet, tenho reflectido ultimamente bastante sobre ela[1]. Acho que é uma atitude que surge naturalmente depois de usar a Internet por algum tempo e quanto mais tempo passa mais essa confiança se acentua (aliás, acho que já devias ter também reparado nisso, visto que usas esta forma de comunicação há mais tempo que eu...).

    Isto pode parecer um paradoxo, já que é tanto mais provável ter tido uma má experiência por excesso de confiança quanto mais tempo se passou na Internet, mas o facto de que não sou o único a pensar desta forma pode ser provado precisamente pelo aparecimento de ferramentas de colaboração como os wikis. A Wikipedia é a prova final de que os benefícios da colaboração e confiança em estranhos ultrapassam em larga medida os perigos. E talvez seja também a prova de que é natural as pessoas confiaram umas nas outras.

    Há quem diga que a maior parte das pessoas são boas pessoas, pessoas de confiança. O problema é que basta normalmente um pequeno grupo de más pessoas para fazer muitos estragos na vida em sociedade. Se calhar na Internet isso já não se passa assim e os pequenos grupos de más pessoas não conseguem destruir, por mais que tentem (e têm tentado!), o que todo os outros vão construindo.

    [1] principalmente depois de ter sido chamado à atenção no trabalho por começar todos os emails por "Olá." -- acharam que era um modo demasiado informal de tratar desconhecidos e superiores; para mim era apenas uma excelente forma de substituir com vantagem "Bom dia.", "Boa tarde." e "Boa noite.".

    ReplyDelete
  2. We know we have reached another level of collaboration when we can edit each other seamlessly and create something better out of our joint work than any of us could do alone. Even something as simple as a better translation or a fixed typo! :-)

    ReplyDelete